Rubens Mano

Rubens Mano nasceu em São Paulo, em 1960. Vive e trabalha em Coimbra e São Paulo. Licenciou-se em Arquitetura e Urbanismo e obteve o mestrado em Poéticas Visuais na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

De entre as suas exposições individuais destacam-se as realizadas na Galeria Millan, São Paulo (2015); no Centro Cultural, São Paulo (2014); no Museu Nacional, Brasília (2010); e no Projeto Octógono da Pinacoteca de São Paulo (2008). Participou na 28.ª e 25.ª edições da Bienal de São Paulo (2008 e 2002); no inSite, Tijuana e San Diego (2005); na 14.ª Bienal de Sydney (2004). Além destas, marcou presença em exposições em instituições como o Centre de la Photographie, Genebra (2016); o Museu di Arte Moderna e Contemporanea di Trento e Rovereto, Rovereto (2014); o Centro Galego de Arte Contemporánea, Santiago de Compostela (2014); o Museum of Contemporary Art, Tóquio (2008); e o Henry Moore Institute, Leeds (2006).

Rubens Mano ganhou o prémio Funarte Marc Ferrez de Fotografia, em 2012; o prémio Arte e Património MinC/IPHAN, em 2009; e a bolsa Cisneros Fontanals Art Foundation, em 2006.

Espaços associados

Mosteiro de Santa Clara-a-Nova

mosteiro santa clara-a-nova-9