© Marc Shoul
© Marc Shoul

William Kentridge

William Kentridge nasceu em Joanesburgo, em 1955. Estudou Ciências Políticas e Estudos Africanos na Universidade de Witwatersrand, estudou Arte na Johannesburg Art Foundation e Teatro Físico na École Internationale de Théâtre Jacques Lecoq.

Kentridge expôs em museus e galerias por todo o mundo, incluindo a Documenta, Kassel, o Museum of Modern Art, Nova Iorque, Albertina Museum, Viena, Musée du Louvre, Paris, Whitechapel Gallery, Londres, e Louisiana Museum, Copenhaga. Recebeu doutoramentos honoris causa de várias universidades, incluindo a de Yale e a Universidade de Londres.

Em 2010, recebeu o Prémio Kyoto e foi nomeado Honorary Royal Academician em 2015. Em outubro de 2017, recebeu o Prémio Princesa das Astúrias para as Artes.

A obra de William Kentridge está presente em diversas coleções, incluindo: o Art Institute of Chicago; Art Gallery of New South Wales, Sydney; Fondation Cartier pour l’Art Contemporain, Paris; Istanbul Modern; Kunsthalle Bremen; The Metropolitan Museum of Art, Nova Iorque; Museum of Modern Art, Nova Iorque; Sifang Art Museum, Nanjing; Iziko South Africa National Gallery, Cidade do Cabo; Tate, Londres; e Unisa Art Gallery, Pretória.

© Marc Shoul
© Marc Shoul

Espaços associados

Mosteiro de Santa Clara-a-Nova

mosteiro santa clara-a-nova-9