Cambeck / Binelde Hyrcan

 

O vídeo Cambeck, de Binelde Hyrcan, traça extensas narrativas sobre o caos que o artista refere quando fala de Luanda, sua cidade natal, narrativas estas que se articulam entre si por semelhanças e ambiguidades exploradas ao longo do vídeo.

 

Cambeck

 

 

O vídeo Cambeck, hoje apresentado na Sala do Exame Privado da Universidade de Coimbra, traça extensas narrativas sobre o caos que o artista refere, narrativas estas que se articulam entre si por semelhanças e ambiguidades exploradas ao longo do vídeo.
O vídeo começa com um ecrã preto. Alguém está gritando ao motorista para que pare de falar e siga concentrado na condução. Logo corta-se a voz e aparece uma imagem: um carro feito de areia onde se encontram sentadas quatro crianças, na praia.
Elas queixam-se, estão a ouvir sempre a mesma música; querem que o motorista, agarrado com empenho ao seu volante/chinelo, mude de estação de rádio. O motorista responde “Não vêem que o rádio estragou?” E logo um dos passageiros diz-lhe para comprar um novo.
Segue-se um breve e intenso diálogo no qual se discutem aspectos da boa vida – “está na life… life!” – e das hipóteses reais de viver no Zango, numa Luanda contemporânea que enfrenta uma mudança radical da sua paisagem física e do seu inscape, a paisagem interior dos indivíduos.
As crianças imaginam viajar pelo mundo enquanto se encontram na limusina de areia, transcendendo a realidade por alguns momentos. Através de uma brincadeira ingénua, ouvimos vozes, sonhos e visões do mundo que apontam para a desigualdade, a pobreza e a migração. Cada criança tem o seu próprio itinerário, numa trama emergente ou num conflito evitado em que permanece a ameaça de um “não me pega, não me pega….vou-te bater!”

 

Antonia Gaeta

 

 

Ficha técnica

curadoria curator Laboratório CAPC
produção production Círculo de Artes Plásticas de Coimbra
montagem assembly Círculo de Artes Plásticas de Coimbra
agradecimentos especiais special thanks to Fundação Sindika Dokolo

Artistas

Binelde Hyrcan


Data início

31/10/2015


Data fim

29/11/2015


Informação adicional

Segunda a Domingo: 9h30 às 13h00 e 14h00 às 17h30

Bilhetes